Notícias e Pesquisas

23 Out 2018

Romeu Zema mantém ampla vantagem sobre Anastasia no segundo turno em Minas Gerais com 67% dos votos válidos

Governador

Senador

Presidente

Nova pesquisa realizada pelo IBOPE Inteligência no segundo turno da eleição para Governador de Minas Gerais aponta cenário estável, uma vez que Romeu Zema (NOVO) continua com ampla vantagem sobre Antonio Anastasia (PSDB): os candidatos têm 67% e 33% dos votos válidos, respectivamente (na semana passada eram 66% e 34%). O percentual de votos válidos de cada candidato corresponde à proporção de votos do candidato sobre o total de votos, excluídos os votos brancos, nulos e indecisos. O levantamento foi realizado entre os dias 20 e 23 de outubro a pedido da TV Globo.

Considerando os votos totais, Romeu Zema continua com 57% e Antonio Anastasia vai de 29% para 28%. São 10% os eleitores que declaram a intenção de votar em branco ou nulo e 5% não sabem ou preferem não responder (eram 8% e 6%, respectivamente, na última pesquisa).

Destaques por segmentos - Votos Totais
Romeu Zema se destaca na faixa de renda familiar mensal acima de 5 salários mínimos (SM), crescendo de 56% para 64% e mantém o destaque entre os homens, tendo os mesmos 61% das respostas registrados há seis dias; observa-se crescimento do candidato também entre quem tem ensino Fundamental I: de 41% para 52%. Por outro lado, ele perde eleitores potenciais entre aqueles com renda familiar mensal acima de 2 até 5 SM: de 70% para 58%.

- Anastasia continua tendo seu melhor desempenho na Capital, mesmo com decréscimo de 41% para 34% das intenções de voto em Belo Horizonte. O desempenho do peessedebista cai de forma mais acentuada na faixa de renda familiar mensal de até 1 SM: de 38% para 28%; na faixa etária de 35 a 44 anos: 32% para 23%; e entre os menos escolarizados: de 39% para 30%. Por outro lado, crescem de 20% para 28% as menções entre aqueles com renda familiar mensal de 2 a 5 SM.


Presidente
Em Minas Gerais, Jair Bolsonaro (PSL) vai de 52% para 50% das intenções de voto para Presidente da República, enquanto Fernando Haddad (PT) oscila de 32% para 33%. Entrevistados que declaram intenção de voto em branco ou nulo totalizam 14% e os indecisos são 4% (eram, respectivamente 11% e 5% na pesquisa anterior).

* O objetivo de uma pesquisa eleitoral não é antecipar os resultados da eleição, mas sim o de mostrar o cenário no momento em que foi realizada. A pesquisa é uma fotografia do momento e não tem o poder e nem a intenção de prever o resultado de uma eleição. Por isso, seus resultados não podem ser usados para prever o resultado das urnas

DADOS DA PESQUISA

Nome da pesquisa

Intenção de voto em Minas Gerais

Margem de erro

a margem de erro estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Tema

Administração pública

Eleições

Opinião pública

Contratante

pesquisa contratada por GLOBO COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÕES S/A.

Período

20/10/2018 a 23/10/2018

Local

Brasil - MG

Amostra

foram entrevistados 1.512 votantes. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.

Registro TRE/TSE

registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais sob o protocolo Nº MG-01512/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo Nº BR-04412/2018.

ARQUIVO(S) PARA DOWNLOAD
Pesquisa completa